MATÉRIAS DIVERSAS

SISTEMA CONSTRUTIVO MODULAR

Quer saber tudo sobre o Sistema Construtivo Modular Ecológico?

Nessa matéria trazemos todas as informações sobre o sistema construtivo modular que cresce no mercado a cada ano! Essa tecnologia proporciona redução de 50% no tempo de execução da obra e uma economia financeira de até 50%.

De início, o que realmente é o Sistema Construtivo Modular?

O sistema Construtivo Modular é uma técnica de construção a qual se utiliza Tijolos Modulares com sistema de encaixe macho e fêmea. Além disso, o tijolo possui dois furos, textura e medidas perfeitas, proporcionando um ótimo acabamento em suas construções, como exemplo, temos os tijolos ecológicos solo cimento.

A maior vantagem desse sistema é a economia de tempo e investimento financeiro, e o melhor você utilizará artefatos que são sustentáveis e que não desperdiça nenhum material.

O tijolo modular foi fruto de uma pesquisa que durou 25 anos, e que resultou na conquista de diversos prêmios, inclusive o 1° lugar na convenção mundial de construção civil em 2001, como maior inovação construtiva dos últimos tempos.

Por que os tijolos são considerados Ecológicos?

O Tijolo é dito Ecológico pois em sua fabricação não nenhum tipo de desmatamento e nem queima de carvão, fazendo com que não haja emissão de gases poluentes, como há na fabricação dos tijolos convencionais (cerâmica).

Como é feito o Tijolo Ecológico Modular?

Para a fabricação do Tijolo Ecológico Modular é necessário três elementos: solo, cimento e água. O solo utilizado nessa fabricação é peneirado ou triturado e após, misturado com água e o cimento.

A mistura é compactada em até 12 toneladas de pressão. Para completar, o tijolo passa por uma técnica eficaz de cura e secagem, ficando pronto para a utilização. Você pode conferir mais informações sobre os tijolos ecológicos solo cimento, clicando aqui. 

É resistente?

Muralha da China

O Tijolo Ecológico suporta de 6 a 14 toneladas de peso, podendo ficar exposto a umidade (chuva) que não se desgasta, uma vez em que sua composição utiliza-se cimento e no processo de cura do cimento é tratado com água, adquirindo maior resistência ao longo dos anos.
A muralha da China foi a primeira obra realizada com tijolos de solo com resto vulcânico, o qual é a origem do cimento. Já o Tijolo convencional, se enfraquece e se desgasta quando exposto a umidade.

 

 

 

E como faz o acabamento?

O tijolo ecológico possui um ótimo acabamento externo podendo deixá-lo a vista, aplicando sobre ele somente uma resina protetora. Qualquer outro acabamento também é possível, com tinta plástica (látex), tinta esmaltada, gesso, reboco, pedra decorativa, azulejo etc. Além disso, aceita diversos materiais químicos sem nenhum problema.

Qual a utilidade dos furos no tijolo modular?

1 – Encaixe macho e fêmea, os quais dão a dimensão exata de assentamento e dilatação;

2- formam condutores para a passagem de rede elétrica e hidráulica durante a fase de assentamento e também permite realizar manutenções em sua casa depois de pronta evitando a quebra de parede;

3-Formam câmaras termo acústicas, controlando a temperatura no interior da construção e diminuindo a poluição sonora;

4-Reduz o peso das obras, isso porque os tijolos modulares são prensados possuindo medidas perfeitas. Assim, na hora de revestir a parede com a argamassa de assentamento, será necessário 0,5 cm de massa, quanto a irregularidade dos tijolos comuns, necessitam em média 3,0 cm de revestimentos;

5-Para enchimento de colunas de sustentação distribuídas por toda a obra, existem Tijolos Modulares que suportam de 6 a 14 toneladas de peso, sendo possível montar colunas sólidas e vazadas com os próprios tijolos sem a necessidade de caixas de madeiras e grandes volumes de concreto;

6-Os furos não são fechados ao final da construção, isso permite que as paredes respirem, permitindo que a umidade saia junto com o ar, mantendo as paredes secas, livres de fungos e bactérias.

Como são assentados?

Testado e aprovado pela ABCP (Associação Brasileira de Cimento Portland), os tijolos possuem medidas precisas e encaixes perfeitos, isso faz com que na fase de assentamento se utilize apenas cola PVA ou uma argamassa especial (solo + cimento + cola), eliminando o consumo de areia, cal, reboquite e cimento excessivo.

E a final quanto economizarei?

Mão de Obra

O sistema construtivo modular reduz o tempo de conclusão das obras pela metade do tempo, comparando com os sistemas convencionais, com isso, consequentemente, o custo com a mão de obra também reduz na mesma proporção;

Em obras de 250 m², em média, são utilizados 6 profissionais no método convencional; já no Método Modular bastam um pedreiro e dois ajudantes;

Dispensa quebras de parede para instalação Hidráulica/Elétrica depois da obra pronta.


Para saber mais sobre a matéria completa, clique aqui e baixe o pdf

Assista o vídeo